A Noite das Ideias, que se realizará em Lisboa no dia 17 de setembro, na Culturgest, associa-se a uma performance/leitura do filósofo trans Paul B. Preciado, “Eu sou um monstro que vos fala”, integrado no programa da BoCA – Biennial of Contemporary Arts. As questões levantadas por este espetáculo convidam a uma reflexão sobre fenómenos contemporâneos de proliferação, como é o caso do género, ou determinados por uma lógica do excesso, como é o caso da aceleração e velocidade.

Ambos, género e aceleração, nas suas manifestações atuais, integram-se na regra da hipertelia, isto é, na lógica que consiste em ir para além dos seus próprios fins. E ambos são fortemente marcadas pelo “Mais ?” – pelo regime da proliferação e da intensificação – que, modalizado como interrogação, é a proposta temática geral da Noite das Ideias.

O programa contempla um momento de convívio com cocktails de NaMesa; uma mesa redonda intitulada “O género: plural, escandalosamente plural”, na qual Sinziana Ravini, P. Feijó e Cláudia Varejão discutem a força expansiva do sinal + na sigla LGBTQI+, sujeita a uma progressiva ampliação; um debate com o mote “A grande escalada da aceleração e da velocidade”, que contempla a projeção de três filmes da coleção do CNAP que fazem uma apologia sediciosa do ócio, dos ritmos corporais e dos gestos lentos do trabalho improdutivo, seguido de conversa com Laurent de Sutter, Jerôme Lèbre e Carla Baptista. As mesas redondas têm moderação de António Guerreiro.

17h-19h
Conferência-performance
“Eu sou o monstro que vos fala”, texto e direção de Paul B. Preciado

19h-20h
Instalação/aperitivo
“O Sabor da Noite”

20h-21h
Mesa redonda
“O género: plural, escandalosamente plural”

22h-23h30
Filme e mesa redonda
“A grande escalada da aceleração e da velocidade”

Próximos Eventos

ler mais
  • O CARRO FALANTE

    16 junho 2024 — 18 junho 2024
    Wiener festwochen

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • TERRA COBRE

    18 julho 2024 — 19 julho 2024
    Festival dos Canais

    JOÃO PAIS FILIPE & MARCO DA SILVA FERREIRA

    Nova criação do artista sonoro João Pais Filipe e do dançarino Marco da Silva Ferreira que cruza a arte chocalheira tradicional da vila de Alcáçovas, no Alentejo, com práticas artísticas contemporâneas.

    +
  • O Carro Falante

    06 setembro 2024 — 07 setembro 2024
    Nowy Teatr

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • O Carro Falante

    09 outubro 2024 — 10 outubro 2024
    HAU Berlim

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +