CONVERSAS ONLINE

Conversas com diferentes convidados sobre Corpo, Ciência, Pensamento, Comunidade, Sustentabilidade, Imaginação, em relação com Covid-19, com moderação de Claudia Galhós, Vítor Balenciano e da equipa Gerador.
As conversas são live no canal YouTube da BoCA Bienal.
Todas as quartas e sextas-feiras até, pelo menos, 30 de Junho.

 

SEMANA 5

20 MAI, 19h: André Lepecki (curador, escritor e professor)
Moderação: 
Claudia Galhós

André Lepecki é um curador de arte, dramaturgo, escritor e co-criador domiciliado na Cidade de Nova Iorque. Atualmente, ele trabalha como Professor Associado no Departamento de Estudos da Performance na New York University, onde ministra cursos sobre a teoria da crítica, a filosofia continental, os estudos da performance, os estudos da dança e a dramaturgia experimental. Ele é formado em Antropologia Cultural pela Universidade Nova de Lisboa e recebeu os títulos de mestrado e doutorado em Estudos da Performance pela NYU. Ele dirigiu, juntamente com Bruce Mau, a vídeo-instalação STRESS (Wien, 2000) e, com Rachael Swain, a vídeo-instalação proXy (Sydney, 2003). Com Eleonora Fabião, ele criou a série de performances Wording (2004-2006). O seu trabalho de co-curadoria e direção no remake da obra 18 Happenings in 6 Parts, de Allan Kaprow (comissionado pelo museu Haus der Künst, Munique), recebeu o prêmio da International Art Critics Association pela “Melhor Performance” (2008). Lepecki foi também curador de eventos para a Haus der Kulturen der Welt (Berlim) e para a Tanz im August (Berlim). Ele contribui regularmente para várias publicações de arte nos E.U.A., no Brasil e na Europa, incluindo The Drama Review, Art Forum, Performance Research, Contact Quarterly, Theaterschrift e Nouvelles de Danse, dentre outras. Ele é membro do conselho editorial do Dance Theatre Journal, da e-misférica e da Performance Research.

Lepecki é autor de Agotar la danza: performance y politica del movimiento (Routledge 2006), obra atualmente traduzida para 6 idiomas. Ele editou as antologias Of the Presence of the Body (Wesleyan 2004), The Senses in Performance (com Sally Banes, Routledge 2007), e Planes of Composition: Dance Theory and the Global (com Jenn Joy, Seagull Press 2010). Em 2010, ele atuou como curador, juntamente com Stephanie Rosenthal, do Archive on Dance and Visual Arts since the 1960s para a exibição Move: choreographing you, para a Galeria Hayward, Southbank Center, Londres. Além disto, em 2010 ele foi curador, juntamente com Eleonora Fabião, do evento Ativações, Passagens, Processos para o Festival ArtCena, no Rio de Janeiro.

 

 

 

Próximos Eventos

ler mais
  • O Barco / The Boat

    29 setembro 2022 — 19 outubro 2022
    Somerset House, Londres

    GRADA KILOMBA

    A primeira instalação de grande escala de Grada Kilomba viaja até Londres, à Somerset House.
    Composta por 140 blocos de madeira queimada, convida o público a entrar num jardim da memória, no qual poemas descansam sobre blocos de madeira queimada, lembrando histórias e identidades esquecidas. Que histórias são contadas? Onde são contadas? Como são contadas? E contadas por quem? São questões que se colocam ao entrar nesta instalação.

    +
  • Workshop “Fenómenos da sociedade e distância crítica e artística”

    30 setembro 2022 — 02 outubro 2022
    MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia

    ORLAN

    ORLAN é uma das mais importantes artistas francesas, autora do manifesto “A Arte Carnal”. Chocou o mundo nos anos 90 ao realizar a performance “A reencarnação da Santa Orlan”, uma série de nove cirurgias plásticas que foram transmitidas via satélite para diversos museus e galerias de arte da Europa. Dirige um workshop de três dias, pela primeira vez em Portugal.

    +
  • Coin Operated

    07 outubro 2022 — 08 outubro 2022
    Théâtre National de Chaillot, Paris

    JONAS & LANDER

    "Coin Operated" surgiu de um convite da BoCA a Jonas & Lander, para criarem uma peça para museu. O dispositivo cénico apresenta dois cavalos a motor, operados a moedas, com os dois artistas sentados. Para que algo aconteça o público tem de inserir uma moeda na ranhura dos cavalos. A performance aborda a relação económica e de poder, de conquista de território, de escravatura, da montada das classes sociais mais poderosas nas menos afortunadas.

    +
  • Cattivo

    08 dezembro 2022 — 21 dezembro 2022
    La Villette - Grand Halle, Paris

    MARLENE MONTEIRO FREITAS

    Installation commissioned by BoCA in 2019, CATTIVO is a large-scale installation made up of hundreds of music stands designed by Cape Verdean choreographer Marlene Monteiro Freitas. Through the use of a sensorial type of stage mechanism, these objects, usually at the service of the musician and the score, become subjects with their own feelings and desires. CATTIVO explores the borders of the animal, plant and imaginary worlds.

    +
  • Trouble

    15 dezembro 2022 — 18 dezembro 2022
    La Villette, Paris

    GUS VAN SANT

    O realizador de cinema Gus Van Sant aventura-se na sua primeira criação de palco com uma equipa portuguesa, um espetáculo de teatro musical inspirado em Andy Warhol e no seu esmagador talento para elevar a ícone as imagens, ao mesmo tempo que escalava como persona e artista a um estatuto de celebridade mundial.

    +