Save the date: BoCA 2021 com o título “Prove You’re Human” em Lisboa, Almada e Faro

BoCA
9 Abril 2021

Questionando convenções e o limite da nossa humanidade, a 3ª edição da bienal BoCA tem como título Prove You’re Human. Como (re)pensar a nossa presença no mundo ou como desafiar novas humanidades?

De 3 de setembro a 17 de outubro de 2021, a BoCA decorre nas cidades de Lisboa, Almada e Faro, reforçando o compromisso com a transdisciplinaridade artística e a promoção de sinergias entre cidades, instituições culturais, campos artísticos e públicos.

Teatros, museus, centros culturais, ruínas, espaços verdes e costeiros serão palco dos vários projetos da bienal, cuja programação completa será anunciada em junho.

Em parceria estratégica com a Câmara Municipal de Lisboa, a Câmara Municipal de Almada e a Câmara Municipal de Faro, o programa da bienal BoCA 2021 é financiado pela Direção-Geral das Artes/Ministério da Cultura, a Fundação Calouste Gulbenkian e a Fundação Millennium BCP.

 

Desde 2016, a BoCA estrutura uma série de atividades continuadas, compostas por residências artísticas, programação, produção, circulação nacional e internacional, e programa educativo, colocando em diálogo as artes visuais, as artes cénicas, a performance e a música. A 1ª edição da bienal BoCA teve lugar no Porto e em Lisboa, em 2017. A 2ª edição aconteceu em 2019 nas cidades de Lisboa, Porto e Braga. No início de 2020, em resposta à paralisia mundial causada pela pandemia da Covid-19, a BoCA iniciou uma programação online e apresentou um inovador programa diário de atividades artísticas e culturais, durante 55 dias.

No seu conjunto, já contou com a participação de mais de 140 artistas nacionais e internacionais, mais de 50 estreias mundiais e nacionais. Da sua programação já fizeram parte nomes como Marina Abramovic, Meg Stuart, Marlene Monteiro Freitas, Vhils, Jérôme Bel, Angélica Liddell, Tania Bruguera, Tânia Carvalho, Diana Policarpo, entre muitos outros.