BoCA SUMMER SCHOOL 2019
Workshop dirigido por FLORENTINA HOLZINGER


“Inside the Octagon”

Um Workshop de Combate Transformador

Neste workshop, vamos recrutar guerreiros, assumindo que isso resultará numa arte melhor.
Usamos a preparação de um lutador para a preparação do nosso trabalho artístico. Começamos a partir de um estado de desafio físico, inspirando-nos nas artes marciais e no treino de boxe. Trabalharemos sobre a condição física, com luvas, com parceiros e prepararamo-nos para alguma disputa, o “pas de deux” do ringue.
Ainda que queiramos passar algum tempo no teste de técnicas de combate reais, o nosso foco será o ato de persegui-las, de passar por um treino de grupo e de nos apropriarmos dele para a nossa prática.
Como podemos usar a preparação de um combate no ringue como uma preparação para fazer dança ou arte? E se a preparação do lutador for um processo artístico? Queremos explorar a possibilidade de troca de disciplinas físicas como uma ferramenta para bailarinos, criadores e pessoas criativas. Nesse espírito também investigamos a performatividade da colaboração que acontece entre instrutor e lutador, treinador e aluno, personal trainer e cliente.

“O medo é o maior obstáculo para a aprendizagem em qualquer área, mas em particular no boxe. Por exemplo, o boxe aprende-se através da repetição. Se você praticar uma e outra vez, você consegue domina-lo… no entanto, em vez de tentar aprender, se você for atingido e se se aleijar, isso torna-o cauteloso, e quando você é cauteloso, não pode repeti-lo e, quando não pode repeti-lo, vai atrasar o processo de aprendizagem…” – Cus D’Amato, treinador de Mike Tyson
Neste workshop, transformaremos o nosso corpo numa arma para servir os nossos sonhos.


BIOGRAFIA

Florentina Holzinger estudou coreografia na School for New Dance Development (SNDO). A sua criação de fim de curso, “Silk”, foi premiada com o Prix Jardin d’Europe no lmPulsTanz Festival 2012. Colaborou com Vincent Riebeek para uma trilogia de peças, “Kein Applaus für Scheiße”, “Spirit” e “Wellness” (2011-2013). O seu segundo trabalho a solo estreou em 2015 – “Recovery” é uma consideração experimental sobre um acidente de estágio traumático que ela sofreu e explora criticamente através de vários tipos de representação feminina, bem como o potencial da corporalidade feminina. Posteriormente, Holzinger começou a procurar nas artes marciais a forma de treinar para a vida de uma artista. Florentina também é co-autor e intérprete da série da “Body and Freedom”, iniciada pelo Berliner Festspiele em 2016. No seu mais recente trabalho, “Apollon” (2017), a coreógrafa vienense hackeia a génese de um ballet homónimo de George Balanchine (1928). Atualmente, trabalha no TANZ para uma sobre-interpretação do ballet Les Sylphides, uma performance que reunirá um elenco de atores profissionais e bailarinos de formação clássica. O trabalho vai estrear em outubro de 2019 em Viena. Sob a nova direção de René Pollesch da Volksbuhne, em Berlim, Florentina Holzinger será uma artista residente a partir de 2019.


A QUEM SE DIRIGE

M/18, estudantes e profissionais de artes performativas e outras áreas criativas, com uma forte consciência corporal

INSCRIÇÕES
Pode inscrever-se através do preenchimento do formulário: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScGrTaq98GFaXt7IGE2yi0LsZPXp3ndHLCM_V_IrwS962IpjA/viewform?usp=sf_link

Produção: BoCA
Parceria: Fundação GDA
Apoios: Câmara Municipal de Lisboa, MAAT

Inside the Octagon from Florentina Holzinger on Vimeo.

Próximos Eventos

ler mais