Rússia | Performance

 

Vasya Run é um coletivo russo anónimo, constituído por rapazes entre os 16 e 27 anos, da periferia de Moscovo, que mistura arte contemporânea, teatro, subculturas de rua e rituais de emancipação espiritual. Nasceram em 2014, na transposição literal de um texto escrito pelo graffiter russo Vasya, a partir da sua experiência de ter sido preso e condenado por vandalismo em Paris. A subversão e o arrojo da expressão artística surge logo em escolhas radicais e transgressoras que fundam a identidade do projecto: a proclamação do estatuto do artista anónimo, cuja identidade e rosto permanecem mistério, ao mesmo tempo que expressam um grito revolucionário atual, a partir da experiência pessoal de uma geração nascida no início dos anos 90, após o colapso da União Soviética. Vasya Run é um projeto que extravasa os limites da reflexão artística, cruzando influências diversas de artistas contemporâneos com uma juventude inconformada, desobediente, que recusa a invisibilidade e marginalidade das subculturas urbanas e exige ser ouvido e vivido.
“If you want to continue”, a sua nova performance, foi comissionada pela BoCA e tem como conceito principal a figura do herói, que está associada a um estado “pós” o momento presente. Que tempo e espaço são esses, quando uma parte de nós se observa no futuro e a outra permanece ancorada ao agora? No centro, a provocação e o abalo do sistema. Para os Vasya Run, a raiz da arte que fazem, e o espírito de juventude que representam na sociedade que querem reformular, passa por algumas convicções que reafirmam nesta performance, como “Eu sou intrusão. Eu sou oposição. Se a figura é posta de parte – significa que é genuína”.
Através de ensaios, pesquisas de movimento, trabalhos de grupo e práticas espirituais baseadas no “Quarto Caminho” de George Gurdjieff, Vasya Run estrearam-se pela primeira vez em Portugal durante a BoCA 2019. Apresentam agora a performance no festival do Kampnagel, em Hamburgo.

 

Produção: BoCA
Co-produção: Kampnagel (Hamburgo)
Apoio: MAAT (Lisboa)

 

Próximos Eventos

ler mais
  • O CARRO FALANTE

    16 junho 2024 — 18 junho 2024
    Wiener festwochen

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • BoCA Summer School: Corpo e Natureza

    06 julho 2024 — 07 julho 2024
    MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia

    COLETIVO HUNI KUIN

    No workshop "Corpo e Natureza", o coletivo Huni Kuin propõe uma prática e reflexão acerca do papel da arte no processo de fortalecimento de corpos na sua sociedade. Durante a formação, cada corpo assumirá diferentes faces: ora instrumento, ora embarcação coletiva, ora suporte para intervenção artística, simbólica e comunicativa com a natureza através da descoberta da pintura.

    +
  • BoCA Summer School: Cantos na Cosmovisão Huni Kuin

    06 julho 2024 — 07 julho 2024
    MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia

    COLETIVO HUNI KUIN

    No workshop "Cantos na Cosmovisão Huni Kuin", o coletivo Huni Kuin propõe uma experiência imersiva que se relaciona com a cultura musical do seu povo, pensando a voz e a melodia enquanto veículos e instrumentos para agir no mundo, constituir corpos e viver bem.

    +
  • TERRA COBRE

    18 julho 2024 — 19 julho 2024
    Festival dos Canais

    JOÃO PAIS FILIPE & MARCO DA SILVA FERREIRA

    Nova criação do artista sonoro João Pais Filipe e do dançarino Marco da Silva Ferreira que cruza a arte chocalheira tradicional da vila de Alcáçovas, no Alentejo, com práticas artísticas contemporâneas.

    +
  • O Carro Falante

    06 setembro 2024 — 07 setembro 2024
    Nowy Teatr

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • O Carro Falante

    09 outubro 2024 — 10 outubro 2024
    HAU Berlim

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +