BOCA SUB21

Alguns elementos da BoCA Sub21.
Fotografia de Bruno Simão.

 

O BoCA Sub21 é sobretudo um espaço de possibilidades para que “coisas” aconteçam. Quem vai decidir que coisas vão ac- ontecer é um grupo de jovens, com idades entre os 16 e 21 anos, que vão usar mas não abusar de um espaço privilegiado dentro da bienal de artes transversal, desafiadora, inovadora, com vontade de viver no seu tempo e que contempla artes visuais, artes cénicas, performance e música.

O BoCA Sub21 é uma plataforma crítica e autoral, onde a voz de uma geração pode transformar o mundo ou não, mas vai pô-lo a andar. O seu principal formato é a partilha contínua de um espaço de encontro, de aprendizagem e de cruzamentos, que resultará em apresentações públicas, tais como fóruns de discussão ou de performances, no decorrer da bienal. O grupo encontra-se todas as manhãs de sábados dos meses de Fevereiro, Março e Abril, conversa, ri, debate, decide, escreve, constrói imagens, publica e implica o corpo e a mente em processos criativos e de aprendizagem.

O BoCA Sub21 é um laboratório artístico onde “coisas” acontecem; onde se vive a construção de uma bienal, onde se experi- encia o fazer de instalações, espetáculos, concertos e onde se ensaia o que é isto de ser espetador. Através de encontros com artistas, acesso a ensaios e a ateliers de artistas, visitas a espaços culturais, organização de debates e de festas, a BoCA Sub21 permite dotar este grupo de jovens com ferramentas para desenvolverem as suas próprias visões criativas da bienal.

O BoCA Sub21 tem lugar nas cidades de Lisboa, Porto e Braga, reunindo participantes locais.

 

Monitores: Hugo Barata e Sara Franqueira

 

Instagram BoCA Sub21:
bocasub21
#bocasub21